terça-feira, 19 de agosto de 2008

FORMAÇÃO: Métodos Inovadores em Portimão!!!

Um dos testes com corrida e mudança de direcção

Idêntico ao anterior, para a direita

Já no Ginásio com os testes de força


Beto e Paula Jaques, proprietários do Ginásio onde se realizam os testes


No seguimento do trabalho já iniciado na época passada, onde foram registados os dados competitivos de treino e registo de lesões desde as Escolas aos Juniores, esta época os responsáveis pela Formação do Portimonense vão continuar com este trabalho.

Este tipo de registo será actualizado anualmente com intuito de criar uma base de dados de todos os atletas que representam o Portimonense durante todo o seu percurso desportivo ao serviço dos escalões de Formação do Clube. Todos os atletas do Portimonense, nos seus mais variados escalões em competição, serão periodicamente avaliados em várias vertentes. A saber: velocidade, resistência, força, flexibilidade e coordenação, testes esses que serão realizados em função do escalão a que pertence o atleta.

Os primeiros jovens a realizar estes testes foram os Juniores, que já se encontram em pré-época, e segundo as explicações do Coordenador para o futebol juvenil, Prof. José Augusto, com estes registos em todos os escalões e realizados em determinadas fases da competição será mais fácil “trabalhar” individualmente cada atleta conforme as suas necessidades, tentando assim obter um melhor rendimento e ao mesmo tempo realizar um registo personalizado de todos os jovens desportistas, seja a nível meramente estatístico ou num dos campos mais complexos que são as lesões, que também ficarão registadas na referida base de dados, bem como a sua gravidade, tempo de recuperação, modelos de recuperação executados, etc..

Para a realização desta base de dados todos os treinadores elaboram um ficheiro individual do atleta, sendo os testes específicos da responsabilidade de um novo elemento ao serviço do Portimonense, Prof. Nuno Guedes, que terá a responsabilidade de monitorizar e registar todos os dados dos trabalhos realizados neste sentido, bem como fazer o acompanhamento dos atletas na integração após a recuperação nas lesões.

Os testes de velocidade, resistência e coordenação foram realizados no Campo Dois Irmãos e Campo Major David Neto, ficando os de força e flexibilidade a serem realizados no Ginásio Beto Fitness, gentilmente cedido pelos seus proprietários Beto e Paula Jaques, respondendo positivamente a esta solicitação sem custos para o Portimonense.

O Blog do Portimonense agradece uma vez mais a disponibilidade dos elementos da equipa técnica e coordenação de futebol juvenil para prestar estes esclarecimentos.

Força Miúdos!
Força Portimonense!

18 comentários:

Anónimo disse...

Isto é que é inovação? E qual é o programa que usam pra fazer isto?

Papel? É preciso é que ele depois não vá pro lixo.

Anónimo disse...

Métodos Inovadores,muitas bases de dados, muitos Drsº,os resultados é que são os que são. Á poucos anos sem estas VAIDADES todas as equipas andavam todas nos NACIONAIS da 1ª DIVº.

Anónimo disse...

O ponto principal para ter bons jogadores nas camadas jovens, é as cunhas não serem tão importantes como é neste momento no Portimonense.
A partir daí com miúdos escolhidos como deve ser e jogar mesmo os melhores é mais fácil melhorar as suas características porque à partida já têm mais qualidades.
Agora tentar melhorar um míudo que não é grande jogador, é titular porque não vão buscar mais nenhum para a posição dele porque o menino é filho de flano tal, assim não se vai a lado nenhum. Esta conversa no post é muito bonita, mas isto é mais do costume, atirar areia para os olhos. Por favor não gozem com as pessoas.

guetov disse...

Fiquei muito feliz ao ler este post.
Deram-me mais uma razão para vos continuar a apoiar!
ConTinuem pois estão no bom caminho, e quem não entende isto deveria procurar informar-se melhor.
Um grande abraço a todos.

Anónimo disse...

Sr. anonimo das 19:46, tambem e muito bonito criticar, mas agora dizer o seu nome e que ja nao deve ser bonito, mas prontos, ha pessoas assim, que so sabem e criticar, mas quando e para ajudar, chega para la.

ass: joao dias pedrosa

Anónimo disse...

Não tenho um conhecimento aprofundado das pessoas que permita por em causa a sua competência ou os seus métodos de trabalho, contudo não é menos verdade que há poucos anos com menos "modernices" o Clube manteve durante muitos anos as 3 equipas quase sempre na 1ª Divisão e agora é que se vê o que mudou e o que falhou ? porque não basta dizer que se aposta na formação (Direcção) isso tem de se feito na prática e para alguém como eu que acompanha com alguma regularidade os jogos destas equipas é por demais evidente que se nota alguma falta de qualidade nalguns jogadores o que não deixa de ser estranho sabendo todos nós que existem em Portimão e arredores muitos jovens com talento para a pática do futebol. A minha crítica não vai para quem trabalha diáriamente com os miúdos mas mais para quem não lhes proporciona melhores condições para puderem obter melhores resultados será talvez mais um problema a nível de coodenação do sector. Esperamos que esta época as coisas corram melhor para todos são os meus votos.
Ass. Carlos Manuel

Anónimo disse...

quem é que vai treinar os juvenis e os iniciados?e quando começam os treinos dos muidos?


este ano tao demasiado preocupados com os juniores e estao se a esquecer das outras camadas jovens!

Anónimo disse...

oh pedrosa, então porquÊ que não dizes o que o anonimo das 19:46, é mentira?

ah pois....

Anónimo disse...

estou de acordo com o anonimo das 15:50

nao se ouve falar de nada...
parece tar tudo ao abandono...

Paulo disse...

Todos os outros escalões ainda não estão em pré epoca, penso que só irá começar no principio de Setembro.
Quanto aos métodos, não se esqueçam que estas "modernices" como alguns chamam, é sinónimo de profissionalismo no desempenho das funções dos treinadores.
Ou será que era melhor no tempo em que jogavam os filhos dos papás amigos, e ninguem sabia sequer quem jogava e porquê...
Óh Santa Paciencia......

Nuno Pacheco disse...

Estes métodos de trabalho agora implementados no futebol juvenil sob a égide do Prof.JOSÉ AUGUSTO,provam o profissionalismo dos treinadores da formação,alicerçado no conhecimento cientifíco sempre necessário no desporto que se quer de alto rendimento.O futebol dos dias de hoje não se compadece mais com o empirismo de outros tempos...

Anónimo disse...

Mas quando começao os treinos dos juvenis, ja ouvi duas datas, entre elas em 15 de setembro e em 10 de outobro, mas nao sei qual a verdadeira :S. Nao me podem esclarecer neste assunto ?

ass: jose

Anónimo disse...

Ou será que era melhor no tempo em que jogavam os filhos dos papás amigos, e ninguem sabia sequer quem jogava e porquê...

OH PAULO, quando é que isto acabou???

Anónimo disse...

se fossem mesmo bons profissionais nao tavam a trabalhar aqui

Anónimo disse...

Oh Paulo o profissionalismo, que falas queres dizer organizados a trabalhar c/ Computadores. Nuno Pacheco os conhecimentos cientificos são necessários mas o mais importante é perceber o JOGO que se chama FUTEBOL.Como se pode ensinar se eles percebem é de estatisticas e computadores de BOLA são ZEROS como o amigo Nuno e Paulo.Saudações Desportivas.

Anónimo disse...

ok, e eu pergunto, para que tanta coisa se quem joga sao os que têm cunhas?

Anónimo disse...

Já que há aqui quem esteja por dentro da matéria faço a pergunta directa na esperança de que alguém saiba responder porque não estão as 3 equipas no 1º escalão como estiveram durantes tantos anos ? mesmo com todos esses profissionais e todos esses novos métodos ?
Ass. Carlos Manuel

Anónimo disse...

E certo que ha muitos jogadores por cunha, mas tambem se nao houve-se eles secalhar nao havia jogadores suficientes para a equipa, e no ano passado eram muitos, nos iniciados entao dava para fazer 3 ou 4 equipas, mas muitos jogadores por cunha faltavam aos treinos e depois ainda eram convocados, quando nao eram iam para casa a dizer que os treinadores eram uma porcaria.


ASS: Um jogador que tem medo de sair do clube por kauxa das alkunhas.