domingo, 14 de setembro de 2008

TAÇA DE PORTUGAL - 2ª ELIMINATÓRIA: FC. CRATO 2-3 PORTIMONENSE

Vítor Pontes, o nosso "Special One"!

No final a festa foi alvinegra!


O Portimonense venceu o FC.Crato por três bolas a duas e qualificou-se para a 3ª Eliminatória da Taça de Portugal.

Vítor Pontes fez alinhar a seguinte equipa:

Alê; Ricardo Pessoa "capitão", Anílton Júnior, Fausto Lúcio e Emídio Rafael; Nuno Prata Coelho, Luís Loureiro (depois Narcisse Yameogo) e Diogo Melo (depois Roberto Britto); Raphael Freitas, Vasco Matos (depois Hugo Santos) e Gonzalo Marronkle.
Suplentes não utilizados: Paulo Ribeiro; Heslley, Leo Tambussi e Nilson.

Marcaram para o Portimonense, Raphael Freitas, Emídio Rafael e Gonzalo e para o FC.Crato, Índio e Abayan.

Evolução do marcador: 0-1; 1-1, 2-1, 2-2, 2-3.


Numa partida bastante difícil para o Portimonense, o resultado acabou por ser a nota de maior evidência. A exibição da nossa equipa foi algo inconstante, com algumas falhas defensivas, mas também com períodos de maior clarividência. Nuno Prata Coelho foi o melhor homem em campo, enquanto Luís Loureiro, na sua estreia ou regresso, conforme preferirem, acabou por ser substituído denotando algum cansaço. Fausto Lúcio, uma aposta pessoal de Vítor Pontes e que andava perdido nas divisões secundárias, assume-se como uma mais valia para o sector defensivo. Gonzalo voltou a impressionar pela entrega e determinação com que disputou os 90 minutos, acabando por ser dele o golo que resolveu a eliminatória. Emídio Rafael regressou ao seu lugar e nada melhor que um golo para festejar a titularidade alcançada. Os jogadores do FC. Crato merecem os nossos parabéns pela forma como se bateram em campo, vendendo bem cara a derrota. Felizmente não houve Taça no Crato e o Portimonense segue em frente rumo à 3ª Eliminatória.

Os colaboradores do Blog do Portimonense no local deixarão mais tarde o resumo alargado da partida.


Nota do redator: Os primeiros comentários às partidas disputadas fora são retirados dos relatos das rádios locais, seguidamente, e à medida que se consegue chegar à fala com os representantes do Blog, se existirem no local, vão sendo corrigidos até se chegar ao produto final.

13 comentários:

Anónimo disse...

Ricardo Britto = Roberto Britto

Anónimo disse...

estranho náo referirem o bom jogo do rapharl freitas,do golo que marcou,da bola ao poste e do remate que proporcionou a defesa da tarde.Só quando joga mal é que falam dele?
toy

guetov disse...

A análise feita pelos colaboradores do blog ainda não foi publicada porque alguns elementos ainda não chegaram a casa e outros estão a desempenhar funções nos seus empregos.
O Blog do Portimonense sempre apoiou e continuará a apoiar os nossos atletas, façam uma busca nos arquivos, sobretudo quando os resultados eram maus e vejam o que escrevemos...
Para ser muito sincero, nós, administradores deste espaço, somos os mais criticados, injuriados e caluniados, mais do que qualquer membro da direcção, jogador, técnico ou outro funcionário do clube.
Pessoalmente, sempre apoiei e incentivei o Raphael Freitas, alguém por quem tenho o maior respeito enquanto pessoa e profissional deste clube.

Anónimo disse...

AOS OLHOs DE UM CRATENSE O FCC MERECIA MELHOR SORTE. DEPOIS DA ENTRADA INICIAL MAIS ESCLARECIDA DO PSC O FCC DESINIBIU-SE E RESPONDEU TACO A TACO, MERECENDO O EMPATE QUE OBTEVE ANTES DO INTERVALO. REENTROU BEM O FCC E PASSOU PARA A DIANTEIRA PERANTE A SURPRESA DE V. PONTES QUE LANÇOU MÃO DO SEU BANCO MAIS RICO PARA, A CUSTO, ARRANCAR A VITÓRIA A FERROS. (se não houvesse substituições o FCC tinha ganho o jogo) MAS PODE O FCC QUEIXAR-SE DA SORTE QUANDO POR 2 VEZES PODIA TER VOLTADO A ADIANTAR-SE NO MARCADOR. O FCC SAÍU COM HONRA DA TAÇA ÀS MÃOS DE UM ADVERSÁRIO TEORICAMENTE SUPERIOR QUE TINHA A «OBRIGAÇÃO» DE GANHAR. PARABÉNS PSC POR TER CONSEGUIDO O QUE O VIZINHO ELÉCTRICO NÃO CONSEGUIU E OBRIGADO POR TER PROPICIADO AO FCC TÃO BELA PRESTAÇÃO. - DO CRATO COM AMIZADE JCL

Simõesonov disse...

Oi JCL,

Ao contrário do que dizes, acho que se não houvessem substituições o Crato tinha levado meia dúzia. A 20 minutos do fim já ninguém do Crato corria, o Abayan saíu magoado, e 3 jogadores tiveram que receber assistência devido a caimbras. Foram as sunstituições que vos safaram naqueles 15 minutos finais em que já não se aguentavam nas pernas e ninguém corria.
Nos restantes 75 minutos estou de acordo. Muito repartido, com o CRATO superior em algumas fases do jogo.
Cumps!
Abraço

vergilio disse...

e nao ha fotos das 2 mil pessoas presentes no crato??
saudinha portimonense

Anónimo disse...

estava quantas pessoas de portimao?

Simõesonov disse...

Anónimo das 10:46
excursão de 60 + uns veículos particulares. Não chegaram a 100...e ainda bem pq a bancada estava a 200%.

Nuno Pacheco disse...

Este jovem ponta-de-lança argentino ABAYAN é um jogador a seguir atentamente...ao estilo do seu compatriota Maxi Lopéz...ponta-de-lança móvel,muito inteligente na forma como se movimenta,quer no interior da área ou fora dela,boa técnica,combativo...Em suma um jogador a referenciar...

Anónimo disse...

Parabéns CRATO
Apesar da vossa derrota e apesar de não ter assistido ao jogo os comentários que tenho ouvido por parte dos nossos adeptos que aí se deslocaram, vocês têm uma equipa muito combativa e merecem muita sorte.
Temos também que falar do factor clima a que vocês estão habituados e o pessoal aqui da beira-mr está habituado a climas mais fresquinhos e que graças á nossa preparação fìsica ficou provado que nos aguentámos nas pernas e bem.
Cumprimentos.

Luís António disse...

O Sr anónimo da 01:50 e que assina por JCL é nada mais nada menos que o Presidente da Câmara Municipal do Crato Dr.José Correia da Luz que por sinal estava no lugar abaixo do meu.Breves considerações sobre o jogo e o seu comentário Sr. Presidente:
- Partilho consigo a opinião que o FC Crato desinibiu-se e chegou a causar muito perigo, mas a meu ver tal situação só foi possivel porque alguns profissionais do Portimonense assim o quiseram( Diogo esteve parado e paradinho, não se mexia ), ( Luís Loureiro muito mal fisicamente ). Valeu na nossa equipa o gigante Nuno Coelho que teve que correr por ele, pelo Loureiro e pelo Diogo ( que jogo tão mau Diogo!!!).
Pode o FC Crato queixar-se da sorte? Pode sim Sr por duas ocasiões estiveram jogadores isolados, mas por 3 situações os jogadores do Portimonense estiveram isolados e foram tambem enviadas 2 bolas à trave.
Conclusão do meu comentário, na minha opinião se os profissionais do Portimonense tivessem ´´acelarado`` em ritmo de Liga Vitalis o resultado era muito diferente ( penso que concorda comigo... ).
De resto que belo jogador existe no FCC Crato de seu nome Abayan ( contratava-o de caras para o Portimonense ).
Um grande abraço a todas as gentes do Crato que tão bem nos receberam e um especial cumprimento para o Dr.Correia da Luz.

Anónimo disse...

Como JCL não veio ao blog quero dizer que também me parece que se a regra das substituições não existisse o FCC tinha feito Taça no Crato face ao Portimonense porque era a equipa local que comandava o jogo desde os 20 minutos da 1.ª parte. A vitória do Portimon. deve-se à visão de V.Pontes que fez as substituições quando devia sem que o seu colega pudesse responder por não ter BANCO. Mas as regras são regras e o PSC tem mais BANCO que o Crato! Ao bloguer que disse que o Crato estoirou aos 75 minutos é bom lembrar que isso se deveu às substituições do V.Pontes. Donde me parece sensato dizer que sem elas os do Crato não teriam estoirado. Estoiravam, sim, era com as redes do PSC como ainda esteve para acontecer! O Crato obrigou o Portimon. a aplicar-se e isso mostra o bom momento dos Algarvios!

Anónimo disse...

Caros amigos,parabéns pelo "blog", estou de acordo, genericamente, com tudo aquilo que os ilustres amigos bloguistas têm escrito à cerca da minha terra o Crato e particularmente do FC Crato, obrigado pelos elogios.
Para sempre ficarão gravados na minha memória os 90' desse excelente jogo disputado no Estádio Municipal...desejo ao vosso clube os melhores êxitos na Liga de Honra, excelente equipa, bonita cidade, boas gentes...
Quanto ao FC Crato, gostaria apenas de acrescentar, que o clube foi fundado em 1950, tem um passado cheio de gloria e tradição, foi Campeão Distrital da A.F. Portalegre na época transacta, durante algumas semanas tivemos o melhor ataque de Portugal, vencemos, com o brilho que isso representa, a Taça Disciplina. Pelo que representou no passado e pelo brilhantismo do presente, para mim,o FC Crato foi e será sempre o melhor clube do mundo....
Saudações Desportivas
João M.Roma.