terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Hugo Santos faz golo com história



Um golo de Hugo Santos colocou o ponto final no ciclo de maus resultados do Portimonense, dado que garantiu, sobre o Boavista, e em pleno Estádio do Bessa, uma vitória que era uma miragem com três meses. A última vitória dos alvinegros remontava a 23 de Novembro, dia em que, no Municipal de Portimão, derrotaram a Oliveirense (1-0). Em jogos fora de portas, o caso assumia contornos mais significativos, pois há cinco meses que não garantiam os três pontos (em Leiria, a 30 de Agosto) nessa condição.

Hugo Santos quebrou o jejum da formação agora orientada por Lito Vidigal - que se estreou logo com um triunfo -, tendo apontado o terceiro golo da equipa da época fora de portas e o segundo da sua conta pessoal. " Obviamente, o trabalho é de toda a equipa, mas senti-me muito feliz, porque temos jogado um Futebol de qualidade e a bola simplesmente não entrava. Quando acabou o jogo e ganhámos os três pontos, sentimos um grande alívio", explica, a "O Jogo", o extremo do Portimonense, convicto de que este resultado dará à equipa a confiança suficiente para atacar a recta final do Campeonato com novo ânimo. " Precisávamos muito de uma vitória, e este resultado reforça o nosso optimismo para o futuro", confia.


Chegar aos 10 golos é o objectivo

Hugo Santos está muito longe da meta de golos traçada no início da época, que rondava os nove tentos, mas acredita que ainda está a tempo de atalhar caminho. " Sempre tive uma média de nove a dez golos por época, mas este ano as coisas não têm corrido bem na finalização. Só tenho dois golos, mas a época ainda não acabou..."

" Lito Vidigal trouxe confiança. A primeira coisa que nos disse foi: Vamos ganhar ao Bessa. E interiorizámos isso."

" Temos uma equipa demasiado boa para a posição que temos na tabela."

" Contra o Santa Clara, é para ganhar. Não nos intimida o facto de serem líderes da Liga."


FONTE: Tiago Griff in Jornal "O Jogo"

4 comentários:

Miguel Menezes "miGLã0" disse...

Tendo em conta os extremos/alas que temos, este Hugo Santos é talvez o menos mau. Parece-me até ser um jogador com potencial para muito mais.

Raphael Freitas tem tido um desempenho mediocre em quase todas as suas participações, deixando-nos estupefactos quando realiza uma grande exibição, como foi no caso do jogo contra o Desp.Aves, ou a sua excelente entrada em campo no jogo caseiro contra o U.Leiria.

Vasco Matos é muito bom nos cruzamentos, e também não é mau tecnicamente, mas parece-me que lhe falta alguma potência fisica, qualidade tão necessária para quem ocupa aquela faixa de terreno...

Simõesonov disse...

Já tou por tudo. Venha o Maxi Asis para ver se conseguimos um extremo que desequilibre.

A menos que o Raphael decida jogar como jogou na meia hora final contra o Leiria...
...ou que o Hugo Santos vá marcando uns golos, como fez agora.

Anónimo disse...

Parabens Hugo!!

Anónimo disse...

n e para tirar o prestigio ao hugo que tem mostrado muito trabalho e empenho mas o golo no domingo penso que foi auto golo em que o ultimo jogador a tocar na bola foi um jogador do boavista mas o que interessa é que arrancamos 3 preciosos pontos fora agora e so os 3 pontos aqui em casa...
força portimonense rumo á vitoria....