domingo, 13 de setembro de 2009

EXCLUSIVO BLOG DO PORTIMONENSE - ENTREVISTA COM ARAGONEY


"Graças a Deus acabei por aceitar o convite para vir representar o Portimonense"



O BLOG DO PORTIMONENSE, APÓS TER ANUNCIADO, PRIMEIRO O INTERESSE E DEPOIS A CONTRATAÇÃO DE ARAGONEY, FAZIA QUESTÃO DE GARANTIR A PRIMEIRA ENTREVISTA EM PORTUGAL DE UM JOGADOR EM QUEM MUITO ACREDITAMOS E QUE JÁ DEMONSTROU POSSUIR QUALIDADES MUITO ACIMA DA MÉDIA.

Trabalho realizado por: Pedro Custódio "Toy Marafado", Paulo Henriques, João Batista e Pedro Azevedo "Guetov"


CURIOSIDADES

Aragoney foi descoberto quando jogava Futsal na equipa do Colégio onde estudava, após ter ganho uma bolsa de estudos. Ele ganhou a bolsa de estudos por integrar a equipa do Colégio em competições estaduais e nacionais.

Há quem diga que Aragoney joga melhor Futsal do que Futebol de Onze. Até hoje, as pessoas ligadas ao Futsal querem que ele volte a praticar essa modalidade. Inclusive, Aragoney disputou várias competições pela Selecção Paraibana de Futsal. Ele jogava Futsal com o Deo, que hoje é atleta do Sporting. Apesar do Deo ser bem mais velho que ele, os dois jogavam na mesma categoria. Isso demonstra a sua qualidade excepcional.

Existiam outras equipas interessadas em Aragoney. O seu ex-treinador, no Gama, Roberto Cavalo, tinha acertado com o seu amigo Adilson Batista, Treinador do Cruzeiro, que aguardavam a conclusão do contrato com o CRB Alagoas. Inclusive, Aragoney quando regressou do Japão, em 2006, disputou um Campeonato Brasileiro Sub-20 e uma Taça BH pelo Cruzeiro de Belo Horizonte, por empréstimo.

A ida de Aragoney para Portimão aconteceu tendo em vista uma parceria feita por um dos sócios da empresa que o representa com o Portimonense. E também pelo facto de ele desejar muito jogar na Europa, factor que se tornou decisivo na sua escolha



Maílson e Aragoney, dois bons amigos que prometem dar muitas alegrias a todos os Portimonenses



BdP: Como se iniciou a tua carreira, desde os primeiros pontapés até chegares a profissional?
Aragoney:
"Desde 2001/2002 que jogo Futebol, mas nunca tinha jogado Futebol de Onze. Foi um grande amigo, que é compadre do Rivaldo (alguém por quem nutro um grande respeito), que me descobriu em João Pessoa e me perguntou se gostaria de jogar Futebol de Onze. Eu disse que sim e ele conduziu-me ao CRB. Alagoas, onde fiz toda a minha formação até 2005."

BdP: Ainda muito jovem tiveste a tua primeira experiência internacional no Japão. Como surgiu essa oportunidade e como analisas esse período?
Aragoney:
"Foi um período muito bom, pois quando saí do CRB. Alagoas tive a oportunidade de ir para o Japão. Estive lá seis meses, consegui adaptar-me rapidamente, da mesma forma que me estou a adaptar a Portugal. Foi uma passagem muito boa pelo Japão, uma experiência óptima apesar de ser ainda muito jovem (18 anos na altura). Graças a Deus foi uma experiência muito boa que recordarei para sempre."

BdP: Hulk foi teu colega no Kawasaki Frontale. Lembras-te dele? De alguma forma, já se vislumbrava em Hulk as qualidades que mais tarde o fizeram explodir, sendo hoje um jogador de elevado gabarito?
Aragoney:
"Lembro-me muito bem dele e ainda hoje mantemos contacto. Telefona-me muitas vezes para conversamos sobretudo sobre Futebol. No Japão, ao serviço da equipa B do Kawasaki Frontale, jogámos vários jogos juntos e considero-o um grande amigo. Ele merece tudo aquilo que lhe tem vindo a acontecer, é um óptimo jogador e um óptimo amigo. Quando estivemos no Japão penso, que por ele ser mais velho, acabou por jogar mais vezes na equipa principal, onde acabou por realizar boas actuações, daí ser esperado que devido à sua qualidade, acabaria por aparecer."

BdP: Como surgiu o convite para representares o Portimonense? Que conhecimento tinhas do Portimonense e do Futebol Português?
Aragoney:
“Quando estava no CRB. Alagoas a disputar o Campeonato Alagoano, fui contactado pelo meu empresário, que me informou que tinha uma oportunidade para jogar em Portugal. Nessa altura não chegou a ser nada concretizado. No final do contrato disse-me que continuava em pé a oportunidade de vir para Portugal, que não assinasse mais nenhum contrato pelo CRB. Alagoas e, graças a Deus, acabei por aceitar. Fui muito bem recebido, estou a ser muito bem tratado e estou a conseguir mostrar o meu trabalho. Sinceramente, nunca tinha ouvido falar do Portimonense. A maioria dos jogadores de Futebol no Brasil tem o sonho de vir jogar para a Europa, e para mim esta é a primeira oportunidade, estou muito grato por estar no Portimonense, onde, como disse há pouco, fui muito bem recebido."


Aragoney, muita humildade, muita alegria e muita esperança em brilhar ao serviço do Portimonense


BdP: Como te defines enquanto jogador e em que posição mais gostas de actuar?
Aragoney:
"No Brasil jogava mais como segundo volante (trinco). O estilo de jogo no Brasil é diferente do de Portugal, mas estou a tentar adaptar-me como nº 10. O mister Lito Vidigal já me disse que tenho uma boa arrancada, uma boa posse de bola, sei finalizar bem e por isso vou-me adaptando o mais rapidamente possível para poder fazer bons jogos e boas actuações pelo Portimonense."

BdP: Há muitos anos que o Portimonense sonhava com um nº 10 de qualidade. Tens noção que já conquistaste os adeptos que te consideram um dos melhores, quiçá, o melhor jogador do Portimonense?
Aragoney:
"Acho que ainda é muito cedo, o grupo está a ser agora montado, tentando entrosar-se o mais rapidamente possível. Eu estou a tentar adaptar-me a esta nova posição, onde nunca tinha jogado, tenho ainda muito que melhorar e se Deus quiser isso vai acontecer, para fazer bons jogos e bons golos."

BdP: Por aquilo que tens visto até agora, até onde achas que pode chegar este Portimonense? Quais são os teus objectivos e os da equipa?
Aragoney:
"Se Deus quiser, o nosso pensamento é chegar muito longe, apesar de estarmos ainda no início do Campeonato. Estamos a fazer uma boa época, melhor que na época passada, e quando estivermos todos entrosados, podemos chegar muito longe neste Campeonato. Estes são os nossos objectivos, sempre conversamos em conjunto e jogo a jogo vamos conseguir muito de bom para o Portimonense."

BdP: Sonhas com a subida à Liga Sagres?
Aragoney:
"Esse é um sonho de todos os jogadores e se Deus quiser vamos fazer um bom Campeonato. Se surgir a oportunidade vamos agarra-la com ambas as mãos."

BdP: Quais são as tua primeiras impressões sobre Portimão? Já estás perfeitamente adaptado? Em relação a Alagoas, quais são as principais semelhanças e diferenças?
Aragoney:
"É uma cidade óptima, uma cidade de praia, tal como a cidade onde morava (João Pessoa). Até à data não tenho nada a reclamar, é uma cidade muito receptiva, trata bem todas as pessoas que aqui chegam para representar o Portimonense. É uma cidade óptima, na qual já estou adaptado, onde me consigo movimentar à vontade, sem qualquer tipo de problema. Penso que Portimão não tem muitas diferenças em relação a Alagoas, que também é uma cidade de praia, embora o calor aqui e nesta altura seja diferente do de lá, mas o clima em geral é muito semelhante."


Aragoney à conversa com João Batista

BdP: Do que sentes ou poderás vir a sentir mais saudades em relação à tua terra natal, João Pessoa?
Aragoney:
"Sinto sempre muitas saudades. Deixei lá várias pessoas, o meu pai, a minha mãe, a minha noiva, que chega a Portimão em Setembro se Deus quiser. No fundo, sentimos sempre muitas saudades, mas vida de jogador de Futebol é assim mesmo. Temos que superar a distância e tudo o resto."

BdP: Tens alguma superstição ou ritual que cumpras antes, durante ou depois dos jogos?
Aragoney:
"Não tenho nenhuma superstição, só entrego a vinha vida e tudo o que faço a Deus, para que ele me guie e que possa fazer o melhor por mim."

BdP:- Quais as tuas principais referências no Futebol?
Aragoney:
"Sempre admirei muito a forma de jogar de Zidane. Sempre que posso procuro ver vídeos desse grande jogador para apreciar as suas características e tentar colocá-las dentro de mim. Zidane é o meu ídolo."

BdP: Que modalidades ou outras actividades extra-Futebol, mesmo que não se enquadrem na área desportiva, mais aprecias?
Aragoney:
"Gosto muito de jogar playstation e jogos de pc. Para ficar mais tranquilo, oiço música e vejo televisão, nada mais."

BdP: No Brasil, qual é a tua equipa de eleição?
Aragoney: "
O Palmeiras. Sou palmeirense desde pequeno e espero um dia conseguir jogar nessa grande equipa. Também aprecio o Fluminense que é o time do meu pai."

Aragoney com João Batista e Pedro Azevedo "Guetov" do Blog do Portimonense. Paulo Henriques foi o fotógrafo


BdP: O Blog do Portimonense foi o primeiro órgão de comunicação social (seja em Portugal ou no Brasil) a anunciar o interesse e depois a tua contratação pelo Portimonense. Foste acompanhando este processo através do nosso espaço ou nem sequer o conhecias?
Aragoney:
"Comecei a acompanhar o Blog do Portimonense quando surgiu a oportunidade de vir para o Portimonense. Diariamente ia ao Blog ver as informações, fui sempre acompanhando o processo através da Internet."

BdP: Presumo que conheças bem Maílson. Gostavas de deixar alguma palavra sobre um jogador que pensamos poder revelar-se também extremamente útil para o Portimonense?
Aragoney:
"Sim conheço, é muito meu amigo, lido com ele desde 2002, quando comecei a jogar Futebol. Nessa altura, ele nem sequer se arriscava a jogar. É um grande amigo, mora comigo e damo-nos muito bem. Neste momento, a equipa está muito bem montada mas o mister Lito Vidigal tem um bom poder de observação e Maílson acabará por ter a sua oportunidade. O Portimonense, se Deus quiser vai fazer uma boa época."

BdP: Deixa uma mensagem para os adeptos do Portimonense e também para aqueles que torcem pelo teu sucesso no Brasil?
Aragoney:
"Aos sócios e adeptos do Portimonense, convido-os a todos para quando jogarmos em casa, acompanhem a equipa, que está a ser bem gerida e bem formada. Se Deus quiser, vamos dar muitas alegrias a todos vocês. Para o pessoal que ficou no Brasil gostava de dizer que estou morrendo de saudades e obrigado pelo apoio que me deram para estar aqui. Sempre me apoiam em tudo, sempre me dão força e se Deus quiser, em breve estou de volta ao Brasil, mas só de férias, para de seguida regressar de novo a Portimão."


O Blog do Portimonense agradece ao Aragoney a oportunidade que nos concedeu, demonstrando uma enorme simpatia e muita humildade. Para o Presidente do Portimonense, Fernando Rocha vai também o nosso agradecimento, bem como para os nossos amigos no Brasil (vocês sabem quem são!).

10 comentários:

Anónimo disse...

Muito boa a entrevista. Estão de parabens as pessoas que fazem o Blog, bem como o Aragoney pela humildade e o grande futebol que joga.

Anónimo disse...

Sem dúvida, grande jogador esse Aragoney... se ele já joga todo esse futebol ainda se adaptando a posição do camisola 10, imagine futuramente quanto jogará esse rapaz.

gervazio disse...

Grande jogador, e acima de tudo muita humildade!
Já conquistou os portimonenses!!!

boa sorte e que faças muitas assistencias e golos

Petição disse...

POR UMA REVOLUÇÃO NO FUTEBOL EM PORTUGAL:
http://www.ipetitions.com/petition/revolucaofutebolportugal/

Anónimo disse...

Vocês são conquistados por muito pouco.
Ainda não vi NADA neste gajo

Bruno disse...

Tem bons promonores mas ainda pode vir a evoluir

Anónimo disse...

o anônimo das 12:10 não deve estar indo assistir os treinos nem os jogos... se fosse assistir, veria as qualidades do jogador

Anónimo disse...

anonimo das 14:30. Vi os jogos todos, menos fora contra feirense. nota-se que tem qualidades, mas ainda não fez nada que merecesse este destaque

SC Vianense - Blog disse...

Espero que esta época consigam cumprir os objectivos, fazendo uma excelente temporada!

Saudações vianenses.

Passem por aqui:
http://scvianense.blogs.iol.pt/

Anónimo disse...

Sou do Brasil, de Alagoas e posso dizer, com toda a certeza, Aragoney foi uma das maiores aquisições do Portmonense neste ano...joga muito futebol...parabéns!