quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Fernando Rocha: "Com os pés no chão"
PRESIDENTE CONTRA EXCESSOS DE ENTUSIASMO



O Portimonense está nos lugares de subida, o que não acontecia há mais de 5 anos, e a cidade vive uma onda de entusiasmo em torno da equipa, depois da goleada (5-2) frente ao Desp. Aves, mas o Presidente Fernando Rocha não alinha em euforias."Estamos numa fase inicial do Campeonato, a distância entre as equipas é mínima, e queremos apenas rubricar uma campanha melhor que a da época passada, mantendo sempre os pés bem assentes no chão e uma boa dose de tranquilidade, sem euforias despropositadas quando se ganha ou desânimo quando surge uma derrota", diz o líder da colectividade algarvia.

O arranque de Campeonato está, diz, dentro das previsões: "Perdemos um jogo em casa (Boavista), com grande dose de infelicidade, devido a um golo sofrido no último minuto, e conseguimos um triunfo em terreno alheio (U. Leiria), equilibrando as contas. Nesta altura, a equipa já conseguiu tantos pontos (9) como em toda a primeira volta da época anterior, o que constitui um dado muito significativo e nos deixa optimistas." O Presidente do clube alvi-negro encontra uma justificação para o arranque positivo da equipa: "Registaram-se várias mudanças no plantel, com a saída de um bom número de habituais titulares, mas a equipa técnica liderada por Vítor Pontes manteve-se e a filosofia de trabalho é a mesma que se traduziu na grande segunda volta realizada na época passada, com apenas uma derrota em 15 jogos." Rocha recorda que durante várias campanhas a fio o Portimonense sentiu grandes dificuldades para assegurar a permanência: "O que queremos é acabar com essa desagradável tradição de sofrimento."

O bom início, adverte Fernando Rocha, não deve criar ilusões nem levar a um aumento de pressão sobre o grupo: "Não lhes pedimos a subida e o objectivo está definido desde o início da época: fazer melhor do que no último Campeonato. Realisticamente, essa é uma meta que está ao nosso alcance e os primeiros indicadores parecem dizer que dispomos de condições para vivermos um ano sem sobressaltos, longe das aflições da luta pela permanência." E alerta para a necessidade dos Portimonenses se unirem em torno do clube: "Queremos dar passos em frente e essa tarefa será sempre menos complicada se mais gente colaborar."


MUITA SENSIBILIDADE NO CASO RAFA
O jovem Rafa regressou a Portimão depois de um mês de ausência sem justificação. O médio assinou um contrato válido por 4 anos no início da época, com uma cláusula de rescisão de 5 Milhões de Euros, e está sob alçada disciplinar do clube. "É um problema do foro interno, que será gerido com muita sensibilidade, por estar em causa um jovem de apenas 16 anos", refere o Presidente Fernando Rocha, garantindo que "os interesses do clube serão sempre defendidos."


FONTE: Jornal "Record"

10 comentários:

Anónimo disse...

16 anos?
Já ele está inscrito?

Simõesonov disse...

As melhoras são notórias.
Espero que, uma vez saneado financeiramente, o clube possa gradualmente diminuir a dependência da autarquia.
O caminho é em frente!

Anónimo disse...

de facto não restam dúvidas quanto às capacidades oratótias do nosso presidente, e a capacidade em tranquilizar as hostes através da sua mensagem.
acho que temos um presidente à altura do clube, agora só falta haver mais gente competente à sua volta.

já agora, esta noticia não é mais importante do que as que estão acima?

Anónimo disse...

porque não assumiram que o RAFA VAI PARA O FCP.O que estão a esconder? Continuem a comer gelados com a testa;

Anónimo disse...

anunciem o blog dos juvenis que ta excelente!! este ano temos de dar mais atençao a iniciados e juvenis tambem!

Anónimo disse...

Espero que consiga recolocar o PORTIMONENSE na 1ª liga é o que eu lhe peço se não pode ser este ano que seja num ano relativamente próximo.

Anónimo disse...

Anónimo das 20.57.
És uma nulidade em termos oratórios.
O teu discurso resume-se " a comer gelados com a testa".
Tás traumatizado com os gelados??...algum te deu dor de barriga???. E a testa??.....será que nada mais vês para além dela além de gelados?
Olha aqui vai o nome do psiquiatra.
Dr. Raul Neto..psiquiatra na Rua Direita em Portimão

Anónimo disse...

Aquilo já é considerado estrada de alvor.

Anónimo disse...

ehehheheh...tens razão...Estrada de Alvor.
Nunca o Dr. Neto lhe passaria pela cabeça ser publicitado neste blog por causa dum gajo que tem um problema qualquer e só vê o pessoal a comer gelados com a testa.

Bruno disse...

Excelente discurso do nosso Presidente! É com agrado que vejo alguém com um discurso prudente! Agora......e o futebol juvenil???? Não acha que se trata de um assunto sério??? Acompanho o futebol juvenil à vários anos e .....continua uma desgraça com pessoas que não têm capacidade para melhorar o que demais importante existe no clube...OS JOVENS JOGADORES!